Espaço comunicativo, de teor artístico-cultural, em que a expressão poética assume o papel de maior relevo. Não há aqui lugar a pessimismos fátuos, a frustrações e/ou falsas evidências... Prevalecerão o bom senso e o critério humanísticos!
Quarta-feira, 8 de Março de 2006
MULHERES DUMA CANA
Para o «Dia Internacional da Mulher »


De antes quebrar que torcer
há-as, sim, por todo o lado
com valor assinalado
são mulheres a valer !

Elas tudo podem ser
enganando na aparência
no entanto são essência
de antes quebrar que torcer.

Umas de rosto velado
outras com corpo liberto,
com coração descoberto
há-as, sim, por todo o lado.

Num esforço redobrado,
sejam filhas, sejam mães,
por vezes são guardiães
com valor assinalado.

Há-as por aí a sofrer
d’ inquestionável paixão
e nesta mesma razão
são mulheres a valer !

Pr’ às mulheres duma cana
quais luzeiros e sinais
dediquemos bem leais
nossos preitos e hossana !


Frassino Machado
In ODISSEIA DA ALMA


publicado por conchitamachado às 15:15
link do post | comentar | favorito
|

5 comentários:
De Anónimo a 9 de Março de 2006 às 17:33
Que lindo poema!!! Forma maravilhosa de dar voz àquilo que na realidade é a Mulher! Estamos cá todas, sem excepção!!!

Agradeço-te imenso por me teres dado a possibilidade de conhecer uma mulher feita de palavras ...

BeijosAlexandra
(http://alex13.blog.com)
(mailto:www.alex13@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Março de 2006 às 00:57
Depois de ter passado o dia inteiro de um lado para o outro a distribuir cravos às mulheres trabalhadoras, que bem que sabe repousar o pensamento neste poema. beijinhomariliamgomes
(http://afecto.blogs.sapo.pt)
(mailto:mariliamgomes@netcabo.pt)


De Anónimo a 9 de Março de 2006 às 00:29
BONS DIAS! Agradeço a tua visita. - Após minutos passados do "DIA INTERNACIONAL DA MULHER"... ainda se fala do tema, e bem, como concerteza estás verificando... interessante! A meu ver, os ângulos da questão são diversos... - Fico por aqui; o tempo é escasso neste momento. Desejo boa disposição para os teus dias ...... - ABRAÇO - -
de: ConchitaMCConchitaMC
(http://cantodaconchita.blogs.sapo.pt)
(mailto:conchitamachado@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Março de 2006 às 23:56
Olá, olá, olá. Belo dia hoje hem!! Gostei do poema, embora poesia não seja o meu forte. Vejo também que recebeste bem a minha opinião em relação ao "fim" dos poemas. Agora deixa-me ir que minha "lady" me chama, ela hoje tá como um "lord". O que vale é só por mais 5 minutos eheheh:)Aalvafaust
(http://alvfau.blogs.sapo.pt)
(mailto:alvafaust@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Março de 2006 às 16:38
Obrigado por tão doxes palavras deixadas em meu diário... volte sempre que queiras pois ele estará de páginas abertas para você! Fique em paz!Ronin
(http://lagrimasdeguerreiro.blogs.sapo.pt)
(mailto:ronin@ronin.com)


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27

29
30
31


posts recentes

ESTA BALADA DE VERÃO

HISTÓRIA DE UMA NOITE DE ...

AS FESTAS POPULARES PORTU...

NÃO HÁ FESTAS POPULARES S...

FERNANDO DE BULHÕES - O ...

AQUELE MAR DO ANOITECER ....

QUEM TEM UMA MÃE TEM TUDO...

A MULTIFORMIDADE DO AMOR ...

O SOL AINDA BRILHA PARA T...

SETE SÃO OS MARES.... MAS...

arquivos

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds