Espaço comunicativo, de teor artístico-cultural, em que a expressão poética assume o papel de maior relevo. Não há aqui lugar a pessimismos fátuos, a frustrações e/ou falsas evidências... Prevalecerão o bom senso e o critério humanísticos!
Domingo, 21 de Maio de 2006
ENTRE POETAS ... POETANDO !

A GARGALHADA


Eu tenho na gaveta dum armário
Retida, uma grande gargalhada!
Um dia quando menos esperada
Vai sair donde foi o seu calvário!...

Eu não sei se haverá algum fadário,
Ou se por ela estar tão concentrada
Aguenta assim ficar engavetada
Sem nunca lhe ter dado o seu horário!...

Mas uma coisa é certa, eu sei bem:
É que quando houver causa pra sair
Não vai pedir licença pra ninguém

Nem só é simplesmente pra fugir...
-É que ela vai com isso dar a alguém
O prazer que nós temos... poder rir!...


-Amílcar de Figueiredo-

*

DO SONHO O BEM

 
Quando o homem quer
o sonho vem
no prazer do bem
vizinho do amor.
Quando o Homem quer
projecta seu sonho
num silêncio poético...
fecha os olhos
e nasce um novo dia!

Ao longe a vereda certa
moram lá desejos
de construir
perto de ti
um mundo bom.
Bem. Longe. Perto!
Sonha no bem
e o Sol aparece...
- Do Sonho o bem!


- Adelaide Ramos Vilela -

*

A BOM PORTO

 

Aquece o coração frio
e não me deixes absorto
quero ser o teu navio
pra levar-te a bom porto.

O teu mar é de tormenta
e já não tens confiança
quero ser a tua ementa
e a justa temperança.

Cara amiga tem cuidado
não te deixes arrastar
nesse mar encapelado
que te pode afundar.

Aquece o coração frio
e não me deixes absorto
quero ser o teu navio
pra levar-te a bom porto.


- Frassino Machado - 

*

CANTO DO POETA


Cantar o amor suavemente
Enquanto ar houver no universo
Sob as asas do firmanento
Cantarei o amor sempre em verso

Mesmo que peça para cantá-la
Á dor não lhe dedico canção
Só o Amor ardila me exala
Na simetria de meu coração


- Cecilia Rodrigues -

*

AMIZADE


Cada amizade é um tema,

Cada amiga é um poema,

Assim, da vida, um livro faço,

Cada página... um amigo, um regaço.

- Celso Brasil -

**



publicado por conchitamachado às 19:44
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Maria Papoila a 21 de Maio de 2006 às 21:43
Gostei do conjunto Conchita. Muito!
Beijo


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27

29
30
31


posts recentes

ESTA BALADA DE VERÃO

HISTÓRIA DE UMA NOITE DE ...

AS FESTAS POPULARES PORTU...

NÃO HÁ FESTAS POPULARES S...

FERNANDO DE BULHÕES - O ...

AQUELE MAR DO ANOITECER ....

QUEM TEM UMA MÃE TEM TUDO...

A MULTIFORMIDADE DO AMOR ...

O SOL AINDA BRILHA PARA T...

SETE SÃO OS MARES.... MAS...

arquivos

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds